Na coxia

É um breve espaço de tempo. A porta de trás do palco se abre, mas o tablado ainda está ocupado por outros bailarinos. Na coxia o nervosismo de quem se considera calmo se aflora,  as mãos soam, a vontade de fazer xixi vem de não sei onde, o medo do branco da coreografia. O breu, o silêncio da concentração. Uma mistura de sentimentos que duram alguns segundos. Logo se vão e dão lugar para alegria da dança chegar, o som da música e os sorrisos da plateia. Assim, foi criar um novo blog depois de cinco anos no UOL.

Sejam bem vindos ao Vidas Ilustradas!!

Anúncios

One thought on “Na coxia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s